Top dam é uma resina fotopolimerizável que substitui o dique de borracha (isolamento absoluto) em alguns casos, onde o isolamento relativo da gengiva é suficiente.
Mais informações

Descrição

Top dam é uma resina fotopolimerizável que substitui o dique de borracha (isolamento absoluto) em alguns casos, onde o isolamento relativo da gengiva é suficiente.

Apresentação

• 1 seringa de 2g.
• 3 ponteiras para aplicação do produto.
• Disponível nas cores: azul, verde, violeta, e pérola.

Características e Vantagens

• Possui viscosidade e tixotropia adequados para permitir fácil e perfeita cobertura dos tecidos moles, sem escorrer para regiões indesejáveis.
• Excelente poder de vedação.
• Aderência mínima e perfeita sobre a gengiva.
• Não solta da gengiva a menos que forçada. Sai por inteiro no momento de retirá-lo.
• Não irrita os tecidos gengivais.
• Variedade de cores que permitem sua diferenciação do lençol de borracha quando usado como auxiliar no vedamento do isolamento absoluto.
• Produto com Certificação CE (Certificação Europeia).

Indicações

• É indicado como substituto do lençol de borracha para a proteção do tecido gengival nos casos de risco de irritação por contato com produtos utilizados no procedimento clínico, como por exemplo, clareamento dental com peróxido de hidrogênio a 35% e como coadjuvante no isolamento absoluto para melhor vedamento de um preparo cavitário ou tratamento endodôntico.

Passo a Passo

Passo 1

Seque a gengiva e os dentes correspondentes à região que se quer proteger.

Passo 2

Aplique uma fina camada do produto (máximo de 1mm) sobre a gengiva e papilas gengivais de tal forma que se obtenha total cobertura e um bom campo de proteção para o procedimento que se deseja aplicar.

Passo 3

Polimerize a resina utilizando 20 a 30 segundos de luz de um fotopolimerizador. Recomenda-se proceder a polimerização logo após a aplicação da resina para prevenir qualquer eventual irritação.

Passo 4

Verifique se o produto cobre toda a superfície da gengiva e se está completamente polimerizada. Para observar a parte posterior de papilas e gengiva utilize um espelho clínico olhando de incisal para cervical. Evite testá-la forçando ou tentando erguê-la porque isto pode ocasionar infiltração da substância irritante.

Passo 5

Para remoção do produto basta destacá-lo para frente. Esta deve se soltar facilmente por inteiro ou em pedaços grandes.

Perguntas Frequentes

Top dam pode substituir e/ou complementar o dique de borracha?

Em alguns casos, sim. Top dam é um isolamento relativo e tem vantagens sobre o dique, como facilidade de aplicação e mais conforto para o paciente. Entretanto, não é um bom isolamento contra umidade.

O protetor gengival é fácil de aplicar?

Sim. O protetor gengival é fácil, confortável e rápido de se aplicar e, sem dúvida, é muito melhor que o dique em diversas situações. (ver passo a passo da aplicação).

Top dam realmente faz o isolamento ?

Sem dúvida. Top dam adere sobre a gengiva e bloqueia a passagem de líquidos por aquela região. Da mesma maneira que o dique, ele obviamente demanda total cobertura da região a ser protegida para fornecer eficiência.

Durante a aplicação da Top dam a camada precisa ser grossa?

Não. A camada pode ser fina. O importante é que se cubra a gengiva o suficiente para proteger os tecidos adjacentes.

A cor da Top dam é a mesma antes e depois da polimerização?

A princípio a cor não se altera com a polimerização. O que pode ser observado é que, após a polimerização, desaparece o brilho do produto.

Qual é o tempo de polimerização da Top dam?

Nos casos em que for feito clareamento fotoacelerado o tempo de polimerização é curto (20 segundos), porque a polimerização se complementa com o processo de clareamento. Nos outros casos recomenda-se polimerização por mais tempo.

Pode ser usado o laser para se fazer a polimerização a Top dam?

Sim, pode. O protetor gengival polimeriza com luz azul. O dentista deve ter o cuidado apenas com a potência do laser para não ter um efeito colateral pela intensidade da luz.

Top dam tem adesão?

Sim. Para dar melhor poder de vedação, uma leve adesão ocorre sobre a gengiva.

Top dam é fácil de se destacar no final do trabalho?

Sim. Com o auxílio de um instrumento (explorador) basta destacá-lo para frente. Possui uma estrutura razoavelmente rígida para evitar fragmentação na retirada.

Top dam pode se desprender durante o procedimento clínico?

Não. Durante a polimerização ele se prende à gengiva, papila ou dente. Pode ocorrer desprendimento apenas se houver um esforço mecânico sobre ele (levantamento ou batida acidental).

O protetor gengival causa alguma irritabilidade ou sensibilidade térmica?

Geralmente não. O paciente pode sentir uma leve sensibilidade térmica no momento da polimerização da Top dam, mas que desaparece no final que este se completa. Podem existir casos de reações alérgicas ao produto, mas são exceções.

Os aparelhos fotopolimerizadores podem provocar sensibilidade térmica?

Não há relação de sensibilidade térmica com os aparelhos fotopolimerizadores independente da distância.

Durante o isolamento com o Top dam é necessário cobrir alguns milímetros a cervical dos dentes a serem clareados?

Sim. A cervical deve ser coberta para evitar contato com a borda da gengiva. Geralmente de 0,5 a 1mm são suficientes.

Top dam poderá comprometer o clareamento cervical se cobrir de 0,5 a 1mm?

A cobertura de 0,5 a 1mm é necessária. Caso contrário não se consegue garantir vedação. O clareamento na cervical não é comprometido porque o peróxido acaba penetrando suficientemente na estrutura dental.

Informações ao Profissional

Precauções e Contraindicações

• Evite aplicar o produto sobre a gengiva inflamada, ou que tenha sofrido algum procedimento cirúrgico recentemente.
• A incompleta polimerização do produto ou tempo excessivo podem levar a uma leve irritação gengival em alguns casos. Caso o paciente tenha alguma reação alérgica mais severa ao produto, a interrupção do seu uso é suficiente.

Conservação e Armazenamento

• Manter o produto em sua embalagem original sempre bem fechada.
• Proteger da incidência de luz solar direta.
• Armazenar o produto em temperaturas de 5°C-30°C.
• Não congelar o produto.

Efeitos colaterais

• O produto contém monômeros de metacrilatos que podem provocar reações alérgicas ou irritações leves em pacientes sensíveis a estas substâncias.