gravidez saúde dentista saúde bucal

A Saúde da Boca Durante a Gravidez

O estado de saúde bucal da mulher pode afetar o bebê
Você sabia que, enquanto estiver grávida, a sua saúde bucal pode afetar a saúde do seu bebê?
Estudos recentes associam uma ligação entre doença periodontal e partos prematuros e o nascimento de crianças com baixo peso (menos de 2.500 g).
Para evitar problemas durante a gravidez, as mulheres que planejam engravidar devem antes ter uma consulta dentária para avaliarem o seu estado de saúde bucal e, se necessário, submeterem-se a tratamentos. Desse modo, evita-se o parto prematuro e o baixo peso do bebê ao nascer.
Ainda são necessárias mais pesquisas para confirmar de que forma a doença periodontal afeta a gravidez, mas, aparentemente, ela é responsável por desencadear o aumento dos níveis de hormônios que induzem o parto.
O conceito muito difundido que durante a formação dos ossos do bebê é retirado o cálcio dos dentes da mãe é completamente equivocado. No entanto, algumas cáries que surgem durante e após a gravidez estão relacionadas com cáries que não foram detectadas e tratadas precocemente, bem como alterações hormonais que podem induzir alterações na ação da saliva sobre a boca e dentes.
Por tudo isso, o melhor conselho para uma mulher que pensa engravidar é visitar o dentista para uma consulta de rotina e, eventualmente, tratar qualquer problema oral antes de ficar grávida.
Que Problemas Bucais Podem se Desenvolver Durante a Gravidez?
Estudos recentes mostram que muitas grávidas desenvolvem tumor gravídico. Quando a placa bacteriana se acumula nos dentes e gengivas surge um tumor, de comprometimento estético e que frequentemente sangra durante a mastigação e escovação. Na maioria dos casos, esse tipo de tumor desaparece após o parto, não havendo necessidade de recorrer à cirurgia. Em alguns casos, é necessária a intervenção cirúrgica, durante a gravidez, para remoção desse tecido. Pode acontecer que esse tipo de lesão volte a surgir no mesmo local após a sua remoção cirúrgica (recidiva).
Outro problema que ocorre com mais frequência durante a gravidez é a gengivite gravídica, devido a alterações hormonais que atuam no processo inflamatório. Contudo, é a placa bacteriana (e não os hormônios) a principal causa da gengivite.
Manter os dentes limpos ajuda a reduzir drasticamente – ou mesmo a prevenir – a gengivite durante a gravidez. Substituir os doces por alimentos mais nutritivos, como frutas, também é melhor para os seus dentes.
Fonte: www.med.click.com.br
Publicado por FGM Interativa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *