4 dicas para uma Páscoa consciente

Comer chocolate é uma das maiores tradições da Páscoa. No entanto, o consumo exagerado do doce pode trazer prejuízos para os dentes. Por isso, os cuidados com a saúde bucal devem ser redobrados neste período. A Dra. Ana Suzy Jati, ortodontista do Centro Odontológico Dental Press, dá quatro dicas de como comer chocolate sem causar grandes prejuízos para a saúde bucal – e até mesmo a saúde geral. Confira:

1- Prefira chocolates com pelo menos 70% de cacau;

O famoso chocolate ao leite, um dos favoritos do mercado, contém muito açúcar e apenas uma média de 32% de cacau de acordo com a legislação. Por isso, prefira chocolates com 70% ou mais de cacau, porque além de serem mais saudáveis, causam mais satisfação.

2- Entre o chocolate preto e branco, prefira sempre o preto;

Se você mesmo assim não consegue ficar sem o seu chocolate ao leite, prefira os chocolates pretos ao invés dos brancos. O “chocolate” branco possui 0% de cacau, ou seja, os únicos benefícios que o chocolate pode trazer a sua saúde que estão nas propriedades do cacau, são nulos quando o chocolate é branco. A base da sua composição é gordura hidrogenada e açucar, sendo este tipo de chocolate o mais maléfico para a saúde da sua boca e do seu corpo.

3- Não consuma mais do que 100g do doce por dia, mesmo no feriado de Páscoa;

Durante o ano, o mais indicado é que se reserve apenas um dia da semana para o consumo de chocolate, assim como de qualquer doce. Na Páscoa não é diferente, e apesar do consumo de chocolate ser maior, deve-se controlar no mínimo a quantidade consumida por dia, que não deve ultrapassar os 100g.

4- Higienização;

O chocolate deve ser tratado como qualquer outro doce quando se fala em higienização bucal. Ou seja, assim que consumir o tabletinho, é indicado que se faça a escovação para evitar maiores danos aos seus dentes, ou no mínimo não esqueça de escovar os dentes antes de dormir.

 

Fonte: Dental Press

FGM Interativa

Adicionar comentário