Resolução estética após tratamento ortodôntico com a técnica de microabrasão do esmalte dentário

Juliana Yassue Barbosa da Silva, Nathália Nunes Vidal, e Sheila de Carvalho Stroppa
Juliana Yassue - Graduação em Odontologia (UFPR-PR); - Aperfeiçoamento em Odontologia para Pacientes Especiais (ABO-PR); - Especialização em Odontopediatria (HRAC/USP Bauru Centrinho); - Mestrado em Odontopediatria (UFSC-SC); - Professora de Odontopediatria e Odontologia para Pacientes Especiais (Universidade Positivo-PR); - Professora de Especialização em Odontopediatria (Universidade Positivo-PR).Nathália Nunes Vidal - Aluna do Curso de Odontologia (Universidade Positivo-PR).Sheila de Carvalho Stroppa - Especialização em Odontopediatria (Associação Odontológica Norte do Paraná – AONP); - Mestrado em Odontopediatria (FOB/USP-SP); - Doutorado em Estomatologia (PUC-PR); - Professora Titular de Odontopediatria (Universidade Positivo-PR); - Professora do Curso de Especialização em Odontopediatria (Universidade Positivo-PR).

Paciente do gênero masculino, 15 anos de idade.

A QUEIXA

Manchas nos dentes após remoção de aparelho ortodôntico.

ASPECTO INICIAL

Manchas brancas evidentes, principalmente nos dentes ântero-superiores.


 

O EXAME CLÍNICO/RADIOGRÁFICO

Os dentes 13, 12, 11, 21, 22, 23 e 24 apresentavam desmineralização ativa em esmalte vestibular localizada ao redor do local onde estavam colados os bráquetes ortodônticos.

 

O TRATAMENTO

Após orientação de higiene bucal e remineralização das manchas brancas ativas em esmalte com 4 sessões de aplicação tópica de verniz fluoretado e após o reequilíbrio do meio bucal, foi realizada a técnica de microabrasão com o removedor de manchas Whiteness RM (FGM) nos respectivos dentes para o restabelecimento estético do paciente.