Lentes de contato dental: um protocolo previsível

Weider Silva, Gil Montenegro, Tarcísio Pinto, Paulo Frederico Pereira e Camila Beal
Weider Silva - Especialista em Dentística; - Especialista em Prótese; - Especialista em Implantodontia; - Professor do Curso de Especialização em Dentística e Prótese (ABO Taguatinga-DF). Gil Montenegro - Doutorando em Ciências Médicas; - Mestre em Dentística; - Especialista em Prótese; - Coordenador do Curso de Especialização em Dentística (ABO Taguatinga-DF). Tarcísio Pinto - Mestre em Dentística; - Especialista em Prótese; - Professor do Curso de Especialização em Dentística e Prótese (ABO Taguatinga-DF). - Coordenador do Curso de Especialização em Prótese (ABO Taguatinga-DF). Paulo Frederico Pereira - Professor do Curso de Especialização de Dentística e Prótese (ABO Taguatinga-DF). Camila Beal - Especializanda em Dentística e Prótese (ABO Taguatinga-DF).

Paciente do gênero feminino, 27 anos de idade.

A QUEIXA

Insatisfação com as facetas de resina dos dentes anteriores superiores.

ASPECTO INICIAL

Facetas resinosas com estética insatisfatória.


 

O EXAME CLÍNICO/RADIOGRÁFICO

Os dentes anteriores superiores apresentavam estética insatisfatória, com resinas manchadas e perda de forma e textura.

O TRATAMENTO

Realização de seis lentes de contato dental em cerâmica, do dente 13 ao dente 23.