Avaliação da força de adesão e tempos de espera na colagem de braquetes ortodônticos

Doutor Quintela Lpas
(Mestrado em 2003). Faculdade de Odontologia de Araçatuba - Universidade Estadual Paulista. Araçatuba.

O propósito deste trabalho “in vitro” foi avaliar alteraçöes nos valores de adesäo, na colagem de bráquetes ortodônticos, imediatamente, sete dias e quinze dias após o clareamento dental com o gel de Peróxido de hidrogênio 35% -Whiteness HP (FGM Produtos Odontológicos). Para isto, 40 pré-molares hígidos, recém extraídos de pacientes na faixa etária de 11 a 16 anos, para tratamento ortodôntico, foram divididos aleatoriamente em quatro grupos com 10 dentes cada. Os 10 dentes do Grupo I (Controle) tiveram os bráquetes colados em suas faces vestibulares após condicionamento com H3PO4, sem terem passado pelo processo de clareamento dental. Nos três Grupos II, III e IV (Experimentais), os dentes foram inicialmente clareados com o Peróxido de Hidrogênio 35%, sendo que no Grupo II, os bráquetes foram colados com o cimento resinoso Transbond XT (3M ESPE), imediatamente, no Grupo III sete dias, e no Grupo IV quinze dias após clareamento dental. Os espécimes foram fixados com resina acrílica auto polimerizável em cilindros de PVC e levados a uma Máquina de Ensaios Destrutivos VERSAT 2000 onde sofreram força de cisalhamento com velocidade de 1 mm/min. As médias e os desvios padrões de cada grupo, ficaram assim representados:- Grupo II, média de 3,74 MPa (ñ 0,57), Grupo III, média de 7,16 MPa (ñ 1,00); Grupo IV, média de 8,5 MPa (ñ 2,24) e com o Grupo Controle, média de 9,70 MPa (ñ 1,86). Após aplicação da Análise de Variância e Teste de Tukey para comparação dos grupos, concluiu-se que, o peróxido de hidrogênio 35% (Whiteness HP) usado como material clareador alterou significativamente os valores da força de adesão na colagem de bráquetes ortodônticos imediatamente após o clareamento dental, quando comparados com dentes não clareados e, portanto, respeitando-se os limites experimentais deste trabalho “in vitro”, seria prudente aguardar-se no mínimo sete dias após clareamento dental para a colagem de bráquetes (AU).

 

Fonte: Dissertação (Mestrado em 2003). Faculdade de Odontologia de Araçatuba – Universidade Estadual Paulista. Araçatuba. 135 p.